X
X
Portal Doctor DJ
 
Últimos Eventos
 
  Buteco Noel - Pica-Pau Country Club - Araguari - MG   Aircraft - Deck57 - Araguari - MG   Samba House - Pica-Pau Country Club - Araguari - MG   Exposição 2013 - Parque de Exposição - Araguari - MG   We Love Rio - André Marques - Boate Loft - Araguari - MG  
 
Buteco Noel
Pica-Pau Country Club
21/12/2013
 
Aircraft
Deck57
14/12/2013
 
Samba House
Pica-Pau Country Club
01/11/2013
 
Exposição 2013
Parque de Exposição
25-27/08/2013
 
We Love Rio - André ...
Boate Loft
05/07/2013
 
 
                 
 
 
 
 
 
 
Cadastre-se
receba as atualizações do portal
Nome:
E-mail:
 
 
PREVISÃO DO
TEMPO
 
Previsão
para os
próximos
5 dias
1 - Microfones

O microfone é um dos equipamentos ideais para o DJ. Com ele o DJ pode animar, informar e, até, fazer vinhetas alo vivo. Mas cuidado: o uso abusivo do microfone pode causar problemas.

  • Muitos DJ's gostam muito de animar a festa. Animar a festa não quer dizer que o DJ deva ficar falando demasiadamente. Fazer brincadeiras nas horas certas, cantar uma música para agitar o pessoal, isto sim, é válido. Você tem que conhecer o público que você está lidando para depois fazer as agitações.
  • Cuidado com o que você fala. Sem querer, uma brincadeira pode-se tornar um problema. Evite fazer comentários sobre o público. Cuidado com elogios. Elogios para uns podem ser interpretados como ofensas para outros.

Dependendo do evento que você está fazendo o uso do microfone é desnecessário. Por exemplo: se um DJ é contratado para animar um casamento, possivelmente no público deste evento deverá estar incluídas pessoas de diferentes tipos tais como parente, amigos, jovens, idosos e tudo mais. Neste caso, como sempre está presente muita bebida alcólica, uma simples brincadeira, ou uma animação poderá causar um transtorno.
Mas mesmo assim o microfone é o melhor amigo e salvador do DJ. Em casos extremos, como na hora em que um CD trava ou um vinil que pula, nada melhor do que fazer uma brincadeira para se sair bem, sem ser muito vaiado.

1 - Vinil ou CD ou Computador com MP3
  • Vinil: Com certeza é o que todos os DJ's querem utilizar. Mas o alto preço dos vinil importados não ajuda muito. Vinil importado somente em casas especializadas e com preços que giram em torno de R$ 40,00. O DJ também deverá possui um par de toca-discos de boa qualidade tal como a Technics SL1200 MKII, o topo de linha para os DJ's. Trabalhar com vinil não é fácil, exige técnicas, bom manuseio com as mãos e muita criatividade. Se eu pudesse teria todo o meu repertório em vinil.
  • CD : Hoje em dia é o mais fácil de ser utilizado. Mesmo com equipamentos de pouca precisão é possível fazer mixagens incríveis. Com equipamentos de alta precisão, tal como o CDJ Pionner 100s, é possível fazer mixagens utilizando efeitos e uma precisão total. Hoje em dia existem equipamentos para namuseio de cd que simulam quase que totalmente a utilização de discos de vinil. É o caso do CDJ 1000. Com ele é possível fazer scratchs, loops e muito mais.
  • Computador com MP3 : Com o grande crescimento da internet é possível encontrar qualquer música pelo mundo. Com o programas especializados (ex.: AudioGalaxy, kazaa, e muitos outros da geração Napster) é possível fazer dowloads de todos os gêneros de músicas e com isto utilizar estas músicas diretamente no computador. Como os programas de computados, tais como PCDJ Red, BPM Studio e muitos outros) simulam todos os recursos dos equipamentos de CD e Vinil, fica muito mais fácil trabalhar na noite. Por exemplo: em um CD é possível colocar em torno de 12 músicas em versões extended no formato de Track. Neste mesmo CD é possível colocar em torno de 200 músicas em versões extended no formato MP3. Com estes programas localizar e colocar uma música no ponto para ser tocada é muito rápido. Uma música no formato MP3 ocupa pouco espaço.A utilização destes programas não implica em o computador fazer tudo sozinho. Quem utiliza estes programas eficientemente sabe que eles somente funcionam bem quando trabalhados em conjunto com um DJ experiente. Todas as técnicas de manipulação de discos, localização de pitch e pontos de entradas, são utilizadas por estes programas.

Diante disto fica até difícil dizer qual é o melhor equipamento a ser utilizado na noite. Do meu ponto de vista eu iria preferir o vinil, seguido do computador e logo depois o CD. Por que isto? Simples: o vinil é o melhor pois possui melhor qualidade de som (para quem entende de espectro de frequências sabe que o CD perde frequências que, teoricamente, seriam inaudíveis pelo ser humanlo). Se eu não posso ter o vinil, então colocaria todas as músicas de um CD diretamente no computador, já que o preço de um par de CDJ é equivalente a comprar um computador de boa qualidade e os recursos dos programas atuais são iguais ou melhores do que o do CDJ.

Set Mix Fevereiro 2014 by Doctor DJ